✓ A 2ª Semana Mahamudra Brasil já acabou! Clique no botão "ENTRAR PARA LISTA DE ESPERA"

2ª SEMANA MAHAMUDRA BRASIL

EVENTO ENCERRADO!

Uma série de 4 vídeos que vão a fundo na metodologia Mahamudra para você entender na prática

COMO ALINHAR CORPO, MENTE E ESPÍRITO PARA
VIVER EM ALTA PERFORMANCE

ENTRAR PARA LISTA DE ESPERA

Preencha os dados e clique no botão para entrar para lista de espera

privacy Seu e-mail está seguro, nós não iremos compartlihar com ninguém!


Uma semana indo a fundo no método exclusivo da Mahamudra, que alinha corpo, mente e espírito para:

  • Quebrar mitos sobre a musculação e se livrar do sobrepeso de forma definitiva sem precisar frequentar academias lotadas e fazer exercícios chatos
  • Ganhar massa muscular e condicionamento físico com saúde, abolindo erros clássicos que 90% das pessoas comete
  • Ter longevidade para viver muitos anos com saúde e equilíbrio
  • Ter mais energia, foco e produtividade no seu dia-a-dia para alcançar seus objetivos de vida sem precisar de litros de café
  • Melhorar quadros de ansiedade, compulsão, depressão e estresse através da meditação e aquietamento da mente
  • Ter mais consciência e presença para viver no agora ao invés de ficar preso no passado ou ansioso com o futuro
  • Melhorar sua autoestima, seus relacionamentos e desenvolver habilidades sociais para trabalhar melhor em equipe
  • Trabalhar sua conexão espiritual e paz interior para enfrentar a correria do dia a dia com serenidade

Cesar Curti

CRIADOR DA MAHAMUDRA

Cansado de aceitar as coisas como elas são, Cesar decide criar a Mahamudra Brasil, como um movimento inclusivo com técnicas que permitem o auto-conhecimento e a evolução pessoal, onde estas atuam "curando" o praticante, de diversos males que vem perturbando nossa atualidade, como: Ansiedade, Depressão, Obesidade, Medo, Egoísmo.

O que dizer sobre a Mahamudra?

  • Ale Oliveira Ale Oliveira
    Quando me perguntam o que a Mahamudra representa pra mim, é como se eu estivesse perdida em uma estrada e alguém me desse um mapa, uma bússola e me mostrasse o caminho a seguir. Foi meu encontro comigo mesma, foi aprender a aceitar meus pontos fracos e através do meu auto conhecimento me transformar na minha melhor versão, em busca do tão desejado equilíbrio! Através da Maha consegui minhas maiores evoluções. Não estou falando somente de mudança física, mas sim de algo muito maior! Fui entendo que um corpo forte é resultado de uma mente forte e, principalmente de um espírito bem evoluído. E o mais importante de tudo isso foi entender o verdadeiro significado da expressão "Um por todos e todos por um" ganhando uma verdadeira FAMÍLIA! Amor e gratidão família @mahamudrabrasil
  • Rute Helena Rute Helena
    Desde que me conheço por gente, a frase que mais saia da minha boca quando se tratava de atividades físicas era: "Eu odeio correr". A corrida sempre foi um dos meus maiores desafios. Vim da musculação tradicional, e 50 metros correndo era a coisa mais assustadora que eu podia fazer. Quando conheci a Mahamudra, junto com esse grande sonho veio meu pior pesadelo, a corrida. Desde então, aos poucos, comecei a enxergar todos os meus desafios e dificuldades de uma forma diferente, assim como tudo na minha vida. No início e até hoje, os aprendizados são diários, e correndo (mesmo que sofrendo) aprendi sobre a mente. Aprendi que ela pode nos derrubar, se a gente deixar, mas ela pode nos impulsionar, e isso só depende de nós. A Mahamudra mudou minha forma de enxergar a vida, o mundo, e principalmente a forma que eu me enxergo, e isso é a coisa mais preciosa que adquiri. Nesse tempo aprendi que somos seres humanos e somos falhos, muito falhos, e isso todo mundo já sabe, mas aprendi que preciso me respeitar, me permitir errar e confiar muito mais em Deus. Aprendi a olhar mais pra dentro de mim do que para o outro, porque tudo o que eu sinto diz respeito a minha pessoa e não ao próximo. Aprendi que nascemos para ser felizes e que a felicidade mora dentro de nós. Aprendi uma nova forma de ensinar, que passou de ser somente um ensino ou um trabalho, e se tornou uma nova forma de amar. Aprendi o que é treinar de verdade, o que é dor. Aprendi o que é superação e entrega, e me apaixonei por isso. E talvez o mais importante... aprendi a ACREDITAR. Descobri uma força que vinha de dentro do meu ser que eu não sabia que existia, e talvez ainda não saiba o tamanho e proporção desta força. Continuo tentando descobrir, todos os dias, e o que mais tem nessa família são exemplos de pessoas corajosas e vitoriosas. E, por fim, entendi que ainda tenho muito pra aprender e que tudo isso que "aprendi" precisa ser melhorado, aperfeiçoado e colocado em pratica o tempo todo. Entendi que essa busca por evolução e aprendizado é eterna, nunca acaba. Hoje, só agradeço por essa família. Por me despertar a consciência e extrair o melhor do meu ser, todos os dias. Obrigada @mahamudrabrasil
  • Fabio Jobim Fabio Jobim
    O que mudou na minha vida ao fazer parte da Mahamudra? Absolutamente tudo... mas nem tanto fisicamente. O que eu mais ressaltaria é o quanto essa energia tornou forte o meu eu interno! Através de buscar entender melhor a mente... entre amigos, confiar um no outro e buscar quebrar padrões identificados... nos interiorizar, meditar e fortalecer a parte positiva e permissiva da mente. Aprender a calar a outra parte, negativa e limitante, para não me atrapalhar quando eu mais precisar da minha presença. Ao fazer parte dessa energia Mahamudra, só clareou ainda mais a consciência de que eu posso fazer o que eu bem quiser... com boas intenções, basta focar e botar as coisas pra acontecer. E se me chamarem de louco por isso, vou agradecer e concordar! Vi também que não podemos parar de nos movimentar, sempre buscar evolução para oportunidades sejam atraídas. Estamos sempre prontos para tudo que aparecer, pois o maior legado é ter inúmeras ferramentas apenas para garantir uma coisa: que a gente saiba viver! Viver no que vale a pena ser vivido! Então, ao fazer parte da Mahamudra, todo meu caminho foi mudado, coisas que busquei muito aconteceram por simplesmente olhar para mim mesmo com um pouco mais de presença e de verdade. Da rotina de treinos até em qualquer situação corriqueira, se aplica a ideia de ser cada dia melhor.
  • Leandro Falsarella Leandro Falsarella
    E lá se foram 42 km e ao menos 42 kg perdidos. Enfim, maratonista! Esse cara da esquerda jamais imaginou correr 100 metros, o da direita já está se inscrevendo para a próxima... Realmente ainda não tenho noção do tamanho dessa conquista, talvez a ficha ainda não tenha caído. Então hoje deixo essa imagem para mostrar que é possível e agradecer a tudo e todos pelas inúmeras coisas boas que vem acontecendo. Gratidão define!
  • Caique Sampaio Caique Sampaio
    Em 2011 fui diagnosticado com depressão e passei a ser medicado, apesar de ter voltado a uma vida normal, dentro dos 3 anos seguintes enfrentei a dificuldade de cuidar de um Pai com AVC, acompanhei a luta de um irmão contra o câncer e ainda precisei ser forte para apoiar minha Mãe (Guerreira). Em 2015 quando me dei por conta havia perdido meu irmão, chegado a 105 kg, estava fumando 2 carteiras de cigarro por dia, bebendo 5 dias na semana e comendo por 3. Motivado pela lembrança da força e perseverança que meu irmão lutou contra o câncer, resolvi mudar. Em julho de 2015 entrei no Mahamudra motivado pela esperança de uma vida melhor, mas minha mente ainda não havia mudado, fumando e com a alimentação ainda desajustada passei por momentos difíceis no Maha, aonde, por quase 7 meses não finalizei um treino, e ficava surpreendido como as pessoa que iam entrando,  rapidamente evoluiam. Dai decidi investigar tudo que havia de errado para eliminar de vez, mesmo que fosse por um método que eu tivesse que sacrificar todas minhas vontades mesmo sabendo que seria doloroso emocionalmente. Portanto em março de 2016 iniciei uma dieta rigorosa, parei de fumar, beber e consegui deixar os remédios para depressão, meus treinos finalmente começaram a render e meu desempenho aumentou, comecei a praticar corrida depois de um dos Chalenges do Maha, que me deu respaldo para poder chegar a 21,5km de corrida em trilha e me apaixonar pelo esporte. O Mahamudra me ensinou a fortalecer os 3 pilates (corpo, mente e espírito) e nesta família eu vou evoluindo com o desejo de nos tornar mais unidos a cada dia e que essa união traga muitos outros que precisem se reequilibrar. Porque o homem que consegue se reformar, REFORMA MILHARES! Um grande salve a Rodrigo e Denise que estiveram nos guiando sempre com energia positiva. Oss!
  • Daniel de Paula Daniel de Paula
    Eu comecei sem querer começar, fui num impulso da Yasmin pra acompanhá-la no aulão q a Lorena havia visto no insta. Fui e adorei a vibe! Então na verdade a Mahamudra me escolheu. Sempre fiz muitos esportes, karatê, natação, jiu-jítsu, futebol e nunca gostei de academia, achava meio monótono esse lance de in door. No início não foi fácil, mesmo apesar da idade 40, a gente sempre quer evoluir e acompanhar a turma. Fui treinando nos tempos que tenho e gosto cada vez mais, sentindo falta de quando não consigo ir em função do trabalho. Claro que além da estética que já mudou, esse "vício saudável" é o que mais me motiva, os treinos sempre diferentes, em locais alternados. Confesso que no início não gostava dos momentos de relaxamento, quando vinha já pensava "ai caramba". Tenho consciência de que me ajuda a não agir muito no impulso nas ocasiões mais difíceis. Hoje me sinto muito mais preparado física e emocionalmente do que a alguns anos atrás (mais jovem). Portanto, só tenho a agradecer a vocês!
Clique na imagem para ver de perto

Uma série de 4 vídeos que vão a fundo na metodologia Mahamudra para você entender na prática

ENTRAR PARA LISTA DE ESPERA

Preencha os dados e clique no botão para entrar para lista de espera

privacy Seu e-mail está seguro, nós não iremos compartlihar com ninguém!